Ciclo hidrológico em áreas urbanas e educação ambiental crítica

Tatiana Valencia Montero, engenheira ambiental,  Michael César Alves e Valdir Lamim-Guedes, biólogos, formularam uma proposta de atividade prática sobre ciclo hidrológico em áreas urbanas, que observa os princípios da educação ambiental crítica.

Partem do entendimento de que não é mais possível ensinar sobre o ciclo hidrológico somente com referências à zona rural. Esta opção afasta o aluno da compreensão de todo o ciclo e diminui sua capacidade de identificar, dentro de uma postura crítica, como ele próprio contribui negativamente para o processo  quando impermeabiliza o solo ou retira sua cobertura vegetal, por exemplo.

A metodologia da proposta educativa consiste na apresentação do ciclo hidrológico natural e de conceitos relacionados, como evaporação, evapotranspiração, condensação, precipitação, escoamento superficial e infiltração.

Figura 1:Ciclo Hidrológico em Área Natural. Fonte: Engenharia Onde Já Civil (2011).

A seguir, os autores sugerem a provocação aos alunos para que reflitam sobre o ciclo hidrológico em área urbana e se difere ou não do ciclo hidrológico tradicional. Neste segundo momento da metodologia, os alunos são convidados a traçar um diagnóstico da situação atualizada da água nas cidades, seguido de planejamento e de gestão ambientais, incluindo debates sobre riscos, políticas públicas, prevenção e mitigação do dano.

Figura 2: Escoamento em Áreas Impermeáveis.Fonte: Santos (2013).

Estudar comparativamente o ciclo hidrológico na forma tradicional (zona rural ) e na zona urbana, considerando os efeitos das ações antrópicas sobre aquele,  evita a despolitização do problema da crise hídrica e pode contribuir para que os alunos percebam sua responsabilidade para com o meio ambiente e com ciclos essenciais pela a manutenção da vida, sustentam os educadores ambientais referidos.

Figura 3: ilhas de calor, comparação entre zona rural e cidade. Fonte:Pivetta (2012).

Leia o artigo completo na Revista Educação Ambiental em Ação, no link abaixo ou clique aqui.

Fonte: MONTERO, Tatiana Valença, ALVES, Michel César, GUEDES, Valdir Lamim.  Ciclo Hidrológico em Áreas Urbanas. Revista  Educação Ambiental em Ação, São Paulo, 04 jun. 2016. Disponível em:<http://www.revistaea.org/artigo.php?idartigo=2330>. Acesso em 10 jun. 2016.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *